Procura de um Investidor Anjo – Roteiro

Procura de Um Investidor Anjo

A Procura de um Investidor Anjo!

 

Hoje em dia as empresas mais “Avançadas” estão terceirizando cada vez mais os seus serviços internos e também automatizando tudo o que podem em seus processos produtivos ou de serviços, a consequência principal é a diminuição dos postos de serviços, ou seja, está cada vez mais difícil conseguir um emprego dito Tradicional (CLT), às exigências para contratação estão cada vez mais sufocante, passar em um processo de seleção não é nada fácil.

Por Outro lado, a Geração “Y” está cada vez menos propensa a seguir o caminho de seus pais, e já partem diretamente para o empreendedorismo, porém existe uma dificuldade muito grande, pois nosso sistema educacional não capacitou nossos jovens a lidar com o empreendedorismo.

O Que fazer então? Bem a primeira coisa a dizer é entender como funciona este sistema e é isso que este artigo propõe um roteiro básico para quem quer se aventurar nessa área.

procura de um Investidor AnjoProcura de um Investidor Anjo

Fase I – Antes da Procura um Investidor Anjo

1 – Encontrar em que empreender

Não tente reinventar a roda, as oportunidades estão por todos os lados, elas já existem, basta você aguçar bem os seus sentidos e encontrar como facilitar a vida de pessoas ou empresas com um determinado produto ou serviço.

2 – Como Conseguir Capital para o empreendimento?

É Quase que unanimidade, o Empreendedor quase nunca tem dinheiro para empreender e se isso for o seu deve-se de início procurar os seus entes familiares (pai, mãe, irmãos/irmãs, tios/tias, etc.) amigos e conhecidos. Não conseguindo nada com eles é hora de procurar um Investidor Anjo.

O Investidor na realidade é uma pessoa física, geralmente empreendedor de sucesso, executivo de grandes empresas, ou financista entre outros, que com sua experiência de vida e capital acumulado ao longo dos anos, dispõe a investir em uma ideia que gere uma expectativa muito favorável de grandes lucros.

Infelizmente, como em todas as atividades econômica existem muitos Charlatões que a pretexto de alguns detalhes, exige dos empreendedores garantias, adiantamentos em dinheiro para “Agilizar” o processo. Não caia em armadilha, durante o processo o Investidor Anjo não pede Garantias e nenhum tipo de pagamento antecipado.

3 – O projeto, como deve estar estruturado?

Os Investidores anjos estão sempre procurando
algo diferente, negócios escaláveis e inovadores, que venham crescer de modo rápido e sem grandes somas de recursos financeiros e humanos.

Tenha certeza que o seu projeto atende essas exigências e só então comece a se preparar para a busca de um Investidor Anjo.

4 – A Busca:

Se você mora em um grande centro, como Rio de janeiro, São Paulo é mais fácil, você precisa ficar “antenado” com os eventos sobre Empreendedorismo, que cada vez mais está tornando-se habitual, procure estar em todos, não tenha medo, procure conversas com os investidores e com outros empreendedores que está na mesma condições que a sua e também com aqueles que já estão em estágio mais avançado.

Você não tem ideia de como isso vai lhe ajudar a ter uma percepção maior sobre seu problema e as oportunidades. Crie e mantenha uma rede de contatos, Bons negócios podem acontecer! Não tenha medo de compartilhar sua ideia, pois às vezes sem você nem imaginar, ela já existe e lembre-se a “ideia” por melhor que seja não é nada se não for implementada.

5 – Procure alguém que possa ajuda-lo, antes de procurar um investidor.

A Figura de um Mentor ou conselheiro vai lhe ajudar e se orientar sobre os primeiros passos, essa pessoa de preferência deve ser alguém que já tenha experiência na vida empresarial e que tenha passado por todos esses processos ou pelo menos alguns deles e que atue na área em que você mais precisa de conselhos (não necessariamente um concorrente – Evite-o!).

6 – O mercado em que você pretende Atuar.

Este é um passo muito importante, você precisa conhecer o mercado em que pretende atuar, o tamanho, a concorrência local, a concorrência Nacional/Internacional, os possíveis fornecedores e claro, os seus clientes.

7 – Parcerias

Um Detalhe muito importante que poucos empreendedores o fazem, este detalhe é: PROCURE PARCERIAS. Os Investidores não confiam muito em empreendedores solitários, pois sabem que em qualquer negócio é necessário um gama de expertise que uma pessoa só não tem condições de preencher.

É Importante que seus parceiros pensem de forma diferente de você e que suas especialidades se complementem nesse novo negócio

Procura de um Investidor Anjo

Fase 2 – Preparação e a da Apresentação do Negócio (Elevator Pitch)

Para procurar um Investidor Anjo é necessário que Você já tenha uma Apresentação básica sobre o seu negócio e dependendo do caso um protótipo sobre ele.

Nesta fase é primordial que a sua “ideia” tenha uma vantagem competitiva sustentável, ou seja, você deve inovar mais do que a sua concorrência. Esta Inovação pode ser de dois tipos:

Incremental: Aperfeiçoando um produto ou serviços que já existe

Disruptiva: Uma alteração radical do produto ou serviço já existente no mercado;

1 – O protótipo:

Em Geral você deve fazer o seu próprio dinheiro ou com ajuda de capital de familiares e amigos, uma coisa simples que apenas demonstre a sua ideia de forma bem sucinta, é nesse ponto que você pode comprovar a sua capacidade de execução com poucos recursos.

2 – A Apresentação

Monte uma apresentação (Sumário Executivo) do seu negócio, de forma sucinta e bem explicativa, faça um planejamento orçamentário e construa seu pitch. Esta apresentação deverá conter:

  • Os principais pontos do projeto em Powerpoint – 10 a 16 slides
  • Planejamento Orçamentário

3 – Evite a facilidade de utilizar modelos de negócio genéricos.

  • Escolha um modelo que é compatível com seu negócio
  • O Modelo precisa ser equivalente ao resultado efetivo
  • Defina o valor do ticket médio de usuários calculado para poder validar o negócio
  • Defina bem qual vai ser o seu canal de distribuição

4 – Apresente sua equipe

  • Resumo específico sobre o perfil dos membros da equipe
  • Qual a função de cada um deles na empresa
  • Defina quais as funções de cada membro de sua equipe

5 – Qual é a sua ideia de negócio

  • Qual o problema que você vai resolver
  • O Que você faz diferentes dos outros “concorrentes”
  • Qual a vantagem competitiva
  • Qual a sua Solução Inovadora
  • Defina seus canais de distribuição

6 – O planejamento financeiro

  • Estruture seu planejamento financeiro de forma macro e Simples
  • Defina quais as suas Receitas
  • Qual CMV – Custo da mercadoria (serviço) vendida
  • Quais são as suas Despesas

7 – Os custos do seu negócio.

  • Defina os custos de seus negócios
  • Custo Administrativo em geral (aluguel, agua, energia, telefone, internet, Salários e encargos Administrativos, etc.).
  • Soma das Receitas – CMV – Custos fixos

Faça a sua Apresentação algo que seja breve, não tome mais do que 3 minutos forma simples, autoexplicativo, focar no diferencial de seu negócio e esteja ciente dos riscos e desafios e, sobretudo não subestime o seu negócio, CONQUISTE SEU INVESTIDOR!

Procura de um Investidor Anjo

 

FASE 3 – Pós Apresentação

Esteja ciente que a Empatia, a sintonia e os valores são aspectos fundamentais para o negócio dar certo!

Negocie e deixe bem claros os termos básicos do investimento.

  • A Participação do Investidor
  • Qual vai ser o papel do Investidor
  • Determinar a Periodicidade dos relatórios/Prazos
  • O Resumo do Contrato – Term Sheet

Seja transparente e jamais esconda problemas do investidor! A relação entre empreendedor e investidor deve ser de confiança. Lembre-se que o Investidor Anjo vai exigir uma Auditoria Interna (Due Dilligence) para verificar a veracidade dos dados fornecidos.

Esta Auditoria consiste em um Conjunto de Atos Investigativos que devem ser Realizados antes de uma Operação Empresarial, é Indispensável à segura Concretização do negócio.

Preserve a relação com o investidor

  • Alinhe os pontos principais Para Manter uma Relação de confiança
  • Mantenha seu Investidor sempre Atualizado

Esteja disposto a vender o negócio eventualmente, se fizer sentido para todos.

  • Vender o próprio negócio com um todo para outro interessado
  • Comprar a participação do antigo Investidor ou um outro Investidor faz esta aquisição.

CONCLUSÃO:

Tenha ciência que todo o processo é longo, descante, cheio de dúvidas, intransigências de ambas as partes e, sobretudo, deixe sempre uma abertura, pois é com conversa que se pode chegar a um consenso, lembre-se que é preciso ceder em algumas vezes porém nunca em demasiado, tenha ciência que aquele investidor possa não ser o ideal para este seu projeto, porém pode ser para um futuro projeto. Sempre deixe aberta a possibilidade de futuros negócios caso não haja um acordo sobre esse atual projeto.

Nunca fale mal de um investidor para outro investidor quando for procurar por outro.

São regras simples, mas que pode e muito ajuda-lo em sua empreitada.

Você tem alguma dúvida? Discorda de algum ponto? Tem outra sugestão? Então faça um comentário, nós adoramos interagir com nossos leitores!


Estamos lançando uma Novidade! Deixe seu Comentário em Vídeo, os melhores comentários serão destacados no Blog Anjos da Amazônia, faça um teste… É Gratuito!

[vidrack align=”center”]